Espaço Mira
Mira Forum
Carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.

Lançamento do livro “Arquivo e Dispositivo” de Maçãs de Carvalho

27 Out, 2018

Aconteceu no sábado, 27 de outubro pelas 17h30 no MIRA FORUM, o lançamento do livro “Arquivo e Dispositivo”, de José Maçãs de Carvalho.
Para conversar com José Maçãs de Carvalho tivemos na sessão Raquel Guerra, Carlos Antunes e Bernardo Pinto de Almeida.

Sinopse
O conjunto de fotografias organizadas neste livro corresponde, em grande parte, à exposição “Arquivo e Dispositivo” no Centro de Arte de S. João da Madeira em 2016 com curadoria de Raquel Guerra. Acrescentaram-se algumas fotografias que por razões logísticas não estavam na exposição. “Arquivo e Dispositivo” faz parte de um conjunto de exposições que Maçãs de Carvalho desenvolveu desde 2011 em torno da matéria do arquivo e pretende ser mais um ensaio visual sobre algumas questões problemáticas e primordiais do uso da fotografia na sua relação com o excesso, a memória e o esquecimento, assim como sobre a noção e importância dos dispositivos para criar e ver imagens. Alguns dados biográficos dos intervenientes na sessão

JOSÉ MAÇÃS DE CARVALHO
Doutoramento em Arte Contemporânea – Colégio das Artes da Universidade de Coimbra, em 2014; estudou Literatura nos anos 80 na Universidade de Coimbra e Gestão de Artes nos anos 90, em Macau onde trabalhou e viveu; Professor no Dep. de Arquitetura e no Colégio das Artes (Subdiretor) da Universidade de Coimbra Entre 2011 e 2017 realizou várias exposições individuais em torno do tema da sua tese de doutoramento (arquivo e memória): no CAV, Coimbra; Ateliers Concorde, Lisboa e Colégio das Artes, Coimbra; Galeria VPF, Lisboa; Arquivo Municipal de Fotografia, Lisboa, Bienal de Fotografia de VF de Xira, Museu do Chiado e MAAT, Lisboa. Publicou o livro “Unpacking: a desire for the archive” pela Stolen Books, em 2014. Em 2015 foi publicado um livro de fotografias suas, “Partir por todos os dias”, na Editora Amieira. Já em 2016 participa no livro “Asprela”, fotografia sobre o campus universitário do Porto, editado pela Scopio Editions e Esmae/IPP. Em 2017 publica o livro “Arquivo e Intervalo”, edição Stolen Books/Colégio das Artes-Universidade de Coimbra e MAAT, com colaborações de Pedro Pousada, José Bragança de Miranda, Adelaide Ginga e Ana Rito. RAQUEL GUERRA Formação em História (UPT) e pós-graduação em Estudos Museológicos e Curatoriais (FBAUP). Atualmente a realizar doutoramento em Arte Contemporânea (Colégio das Artes, UC). Como investigadora participou nos projetos Anamnese_Plataforma Digital sobre Arte Contemporânea de/em Portugal entre 1993 e 2003 (Fundação Ilídio Pinho, Porto) e IDAP S20_Interface Digital da Arte Portuguesa do Século XX (Universidade Católica Portuguesa Porto). Bolseira em 2011 da Fundação Calouste Gulbenkian para realização de residência curatorial no Brasil (Rio de Janeiro e São Paulo)_Residência Capacete. Tem-se dedicado à gestão de coleções de arte contemporânea: Coleção Marín.Gaspar, Coleção Norlinda e José Lima e Coleção Treger/Saint Silvestre. Diretora do Núcleo de Arte da Oliva Creative Factory, S. João da Madeira, entre 2014 e 2017. Diretora do Centro de Arte de S. João da Madeira entre 2015 e 2017. CARLOS ANTUNES Em 1995, licenciou-se em arquitetura na Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto. É docente no Departamento de Arquitetura da Universidade de Coimbra e doutorando no Colégio das Artes. Carlos Antunes juntamente com a arquiteta Desirée Pedro formaram o Atelier do Corvo em 1998, que foi agraciado com diversos prémios, entre os quais o Prémio Municipal de Arquitectura Diogo de Castilho 2007 – Remodelação e Prefiguração do Museu de Ciência – Laboratório Chímico (projecto conjunto com João Mendes Ribeiro e Desirée Pedro). É o diretor do CAPC desde 2010 e da Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra-Anozero BERNARDO PINTO DE ALMEIDA Professor Catedrático na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Poeta, crítico de Arte e Literatura. Autor de extensa obra ensaística no âmbito das artes visuais, começou a publicar poesia nos anos 80, ao que se seguiu um longo interregno. Em 2002, retomou a actividade de poeta. Tem publicado obras de ensaio e de poesia, entre as quais de destacam: Pintura Portuguesa no Século XX, Lello Editores, Porto 1ª ed. 1993, 3ª 2002 Imagem da Fotografia, Assírio & Alvim, Lisboa, 1995 O Plano de Imagem, Assírio & Alvim, Lisboa, 1996 Henrique Pousão, Assírio e Alvim, Lisboa, 1999 Estranho Desenho – O Surrealismo, Colecção Berardo— Sintra Museu, 2001 As imagens e as coisas, Campo das Letras, Porto, 2002 Transição – Cíclopes, mutantes, apocalípticos, Assírio e Alvim, Lisboa, 2002 Quatro Movimentos da pele, Campo das Letras, Porto, 2004 Caminhos da Arte Portuguesa (42 volumes) dos quais escrevou os seguintes: António Carneiro, António Dacosta, Costa Pinheiro, Júlio Resende, Mário Cesariny, Paula Rego, Pedro Cabrita Reis e Rui Chafes. Arte Portuguesa no Século XX, Uma História Crítica, Edição: Coral Books, 2017


Rua de Miraflor, 155,
4300-334 Campanhã, Porto

terça a sábado,
15:00 às 19:00


miraforum@miragalerias.net
929 113 431 / 929 145 191