Mira Forum
Espaço Mira
Carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.

OS MALEFÍCIOS DO TABACO

Jan 28Fev 26

Exposição “Os Malefícios do Tabaco” de João Sousa Cardoso
Após dois anos a debatermo-nos com uma pandemia, à escala global, o entendimento nas nossas sociedades das noções de bem-estar, saúde e segurança mudam aceleradamente e os fossos sociais na economia digital são iluminados na sua brutalidade. A exposição OS MALEFÍCIOS DO TABACO, de João Sousa Cardoso, propõe um ensaio estético sobre um novo tempo cultural e um renovado entendimento dos corpos, da diferença social e duma poética da revolta. E assinala o regresso do artista-ensaísta-encenador a uma exposição individual em dez anos.
A exposição parte da obscuridade confrontando o espectador com uma série de imagens de diversas temporalidades e geografias que evocam a montagem cinematográfica e a sala de projeção. Ao mesmo tempo, a arquitetura do desenho de luz evoca a dramatização do espaço, dos corpos e dos objetos na lógica disciplinar do teatro, implicando fisicamente os espectadores.
João Sousa Cardoso escreve sobre estética, representações, imagens e formas regularmente para o PÚBLICO, ao mesmo tempo que tem desenvolvido trabalho no teatro e no cinema. A última criação em teatro, Sequências Narrativas Completas, teve estreia no Teatro Nacional D. Maria II, em Lisboa, em 2019, resgatando uma conversa com o escritor e pintor Álvaro Lapa, seu antigo professor. Há 10 anos que não expõe individualmente, desde Os Errantes, exposição no KijkRuimte, em Amesterdão, em 2012.
(https://cargocollective.com/joaosousacardoso/Os-Errantes)
OS MALEFÍCIOS DO TABACO, com curadoria de José Maia, desafia-nos ao confronto com os territórios sombrios, a força do arcaico no presente e a atualidade política da negritude.
CURADORIA: José Maia
DIREÇÃO TÉCNICA:
Miguel Ângelo Carneiro
NOTA BIOGRÁFICA
João Sousa Cardoso
Doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Paris Descartes (Sorbonne). Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian entre 2006 e 2009. Encenou Sequências Narrativas Completas, a partir de Álvaro Lapa, com estreia no Teatro Nacional D. Maria II, em 2019. Dirigiu o TEATRO EXPANDIDO!, no ano de reabertura do Teatro Municipal do Porto, em 2015, projeto que atravessou a dramaturgia do século XX, levando à cena 11 peças em 12 meses e mobilizando dezenas de atores, profissionais e amadores. Criou, ainda, os espetáculos O Bobo (2006) a partir de Alexandre Herculano, A Carbonária (2008), Raso como o Chão (2012) e Barulheira (2015) a partir de Álvaro Lapa, os dois últimos com estreia no Teatro Nacional São João. Realizou os filmes A Ronda da Noite (2013) a partir de Heiner Müller; e Baal (2013), A Santa Joana dos Matadouros (2014) e Na Selva das Cidades (2016) a partir de Bertolt Brecht. É consultor do novo Museu da Cidade, no Porto, dirigido por Nuno Faria. Publicou os livros Sequências Narrativas Completas e A Espanha das Espanhas, em 2020. Professor na Universidade Lusófona. Escreve regularmente ensaio para a revista Contemporânea e o jornal Público.
https://cargocollective.com/joaosousacardoso

Rua de Miraflor, 159,
4300-334 Campanhã, Porto

terça a sábado,
15:00 às 19:00


espacomira@miragalerias.net
929 113 431 / 929 145 191